sexta-feira, 23 de julho de 2010

Dor ao morder ou abrir a boca? Cuidado você pode estar com problema de ATM

Mais um artigo sobre Disfunção Têmporo-Mandibular, com um foco um pouco diferente das já postadas até agora, com uma visão de um Fisioterapeuta.
Insisto nesse assunto, para que seja difundido mais e mais vezes, para que médicos, dentistas e profissionais da área de saúde, incluindo os portadores de Dores Crônicas, possam dar a atenção merecida para essa Síndrome, que tanto tem nos roubado em qualidade de vida. 
Já que hoje em dia, estamos conectados em tudo que faz melhorar nossa Qualidade de Vida e buscamos cada vez mais melhores hábitos de saúde, aí vai minha dica: procurem um fisioterapeuta, quando esse for o seu caso, evitando dessa maneira o uso indiscriminado de remédios para dor. Sucesso à todos! Amália 

Fonte: Blog do fisioterapeuta Roberto Quintana - FEV/2010 

O ato de mastigar é mais complexo do que nos parece! Vários grupos musculares, ligamentos, articulações, ossos e as arcadas dentárias são responsáveis pela coordenada e harmônica abertura e fechamento da mandíbula.
O desequilíbrio dessa harmonia acarreta sinais e sintomas que são chamados de síndrome da articulação têmporo-mandibular (SATM) ou Distúrbios do aparelho estomato-gnático O profissional mais habilitado a tratar estes distúrbios é o cirurgião-dentista com especialização em oclusão dentária ( Oclusionista ) que trata adequadamente cada causa específica.

Os principais sintomas dessas patologias compreendem, dor facial, otalgia e cefaléia. Desse modo, o otorrinolaringologista é, freqüentemente procurado, devendo estar familiarizado com o diagnóstico e tratamento.

O termo Distúrbios da Articulação Temporomandibular compreende dois grandes grupos de pacientes: os que apresentam patologias da articulação temporomandibular propriamente dita e os que apresentam distúrbios relacionados aos músculos da mastigação. A grande dificuldade do tratamento está relacionada em distinguir dentre estes grandes grupos.

O que causa?

Os pacientes apresentam sinais e sintomas semelhantes, porém podem sofrer de doenças distintas, requerendo tratamentos específicos. Algumas das doenças que geram síndrome da articulação têmporo-mandibular (SATM) são aquelas que alteram os músculos faciais, espasmos nos músculos mastigatórios desencadeados por tensão ou estresse, artrites ou fixações na articulação têmporo-mandibular, traumatismos na mandíbula, má oclusão dentária (mordida com defeitos), bruxismo (ranger dos dentes ao dormir), tumores e problemas de crescimento na mandíbula. Cada um desses sintomas requer tratamento diferente.

O que se sente?
Os sintomas de síndrome da articulação têmporo-mandibular (SATM) são:

- Dor ao morder, bocejar ou abrir a boca amplamente.

- Dificuldade para abrir totalmente a boca (contraturas musculares,      calcificações articulares).

- Estalido, rangido ou raspado ao morder.

- Sensação de mordida desalinhada, torta, cruzada.

- Dor irradiada para qualquer local da face, ouvido, pescoço ou nuca.

- Cefaléia (dores de cabeça) freqüentes.

Como se faz o diagnóstico?
O médico ou cirurgião dentista palpa, observa e ouve a movimentação da mandíbula; sente o estado das articulações, dos músculos, dos ligamentos, a oclusão dos dentes (a mordida e correta coaptação das arcadas dentárias superiores e inferiores). Examina estudos radiológicos da mandíbula e da movimentação da articulação em estágios variados (abertura total, média e fechamento total).

Como se trata?

Inicialmente, na fase aguda, devemos ingerir analgésicos e colocar bolsas de água quente na região afetada.

Evitar dietas que necessitem mastigar muito (carnes) ou abrir muito a boca (maçãs inteiras, por exemplo). Realizar massagens na região dolorosa.

O cirurgião dentista clínico geral desenvolverá uma placa oclusal dentária para relaxamento dos músculos e na tentativa de evitar o bruxismo. O mesmo profissional pode ser que não realize a terapia oclusal (ajuste da mordida).

Para um pequeno número de pacientes que não melhoram com essas medidas usuais, medicações analgésicas poderosas (inclusive narcóticos) são empregadas, contudo, o uso de narcóticos pode induzir ao vício!

Alguns pacientes necessitam de antidepressivos ou anticonvulsivantes.

A cirurgia da articulação têmporo-mandibular, embora benéfica em alguns casos, ainda é controversa. Deve ser evitada e, anteriormente, discutida com vários profissionais!

A articulação temporomandibular é uma das principais articulações existentes no ser humano, pois sem ela não haveria uma boa relação entre os componentes que proporcionam a permanência da vida. Ocorrendo alterações nesta, teremos as disfunções temporomandibulares, que devem ter um tratamento adequado para tornar a vida do indivíduo mais agradável.

Um comentário:

  1. No momento estou enfrentando problemas com relação a síndrome da articulação tempero mandibular, senti fortes dores de cabeça, e meu pescoço do lado esquerdo está inchado. Estou em tratamento com um dentista. Não vejo solução. estou me ajudando lendo informativos sobre o caso na internet. Fazendo exercícios e compressas quentes.

    ResponderExcluir